Páginas

Mostrando postagens classificadas por relevância para a consulta Ayurveda. Classificar por data Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens classificadas por relevância para a consulta Ayurveda. Classificar por data Mostrar todas as postagens

5 de junho de 2014

Quanto custa manter o Projeto Beleza Saudável

Partindo de uma debate sobre ter blog, propagandas e de certo modo, a falsa ilusão de que é fácil manter um blog, vou colocar no papel virtual chamado de post, quanto custa em termos financeiros e tempo, já que tempo é dinheiro. E não vou nem colocar o gasto com internet, pois não funcionba só pra isso...


- Layout bonitinho:
O esqueleto principal do PBS ganhei de uma amiga, foi um escambo: o trabalho dela como webdesigner em troca do meu trabalho de aromaterapeuta.
Foram duas semanas e cerca de 4 a 5 horas no google talk até o blog ficar com a cara que eu queria.
No meio do ano passado o blog começou a dar problemas no sistema de comentários, aluguei por 2hrs meu cunhado analista de sistemas e como ele não conseguiu, acabei pagando R$50 pra mexer na configuração HTML do blog.

5 hrs X 14 dias = 70hrs
2hrs do meu cunhado
1 semana x 3hrs pra mexer no HTML = 21hrs
---------------------------------------  92 hrs só para o layout

Fora o dominio .com que consome R$21 ao ano e U$8 por mês para hospedagem
U$8 de hospedagem x 12 meses- R$20 x 12 meses = R$ 50 + 21 de dominio = 71

- Post de resenha de um produto
Quando o produto é ganho:
O estudo da fórmula - aproximadamente 30min

Quando o produto é comprado:
Gasto com a compra + frete
Se é internacional: compra + frete + as vezes redirecionador + IOF + possivel taxa + estudo da fórmula

Resenha em si:
Em média 1hr , as resenhas mais longas até duas horas

Tirar duvidas com a pessoa responsavel pela marca - 30 minutos
tirar fotos (se é meu marido que tira em 5 minutos se resolve, quando sou eu 15 min) - média aritmética de 10 minutos
Procurar no google ou EWG aquele componente que não conheço muito bem - uns 20 minutos
Notas mentais sobre cada nuance do produto (+ ou - 2 meses)  e uma média de um minuto= 1 minuto = 60  segundos x 2 meses = 60 dias = 360minutos



Resposta de dúvidas:
Seja por email, pelo grupo do FB ou mensagem na fanpage, em média 1minuto pra cada resposta, se tenho 30 perguntas, já se foram 30 minutos

Conhecimento adquirido:
Tudo que eu sei sobre ingredientes naturais, fitoterapia, ayurveda, aromaterapia:
20%  -google it
40% - livros, em média R$45 x 20 titulos entre aromaterapia, fitoterapia, ayurveda = R$900
5% - revistas especializadas - Prana yoga jornal tem conteúdo sobre yoga, ayurveda e auto conhecimento que não tem em nenhuma outra $14 po mês
40% -Curso de aromaterapia, tenho 4, numa média de $400 cada = R$1600


Presença em feiras e eventos das áreas de interesse do blog:
De carro - R$10 de combustivel e entre $4 ou até $30 de estacionamento
De bus R$6
Lanchinho R$10 em média
Tempo de permanência nestes eventos - média de 5hrs

Daí pode vir uma pessoa e falar:
 - sim mas ninguém te obrigou a ter um blog, também não é obrigada a pagar layout bonitinho nem dominio personalizado nem hospedagem:
Resposta - sim, o blog só funciona porque eu tive a vontade e por querer deixar o meu canto virtual organizado, arco com estas despesas.

Sobre livros e cursos:
- você fez, comprou porque você quis
Sim eu fiz porque quis, porque gosto de estudar estes assuntos e atender a mim e a minha família - mas por ter aprendido é que hoje consigo explicar e indicar pra leitora muito bem explicado.

Sobre produtos recebidos:
Ah mas você ganha produto!
Te garanto que o que rola de produto comprado x produto ganho ainda está na proporção 80% -20%

Ah mas você monetiza teu blog
Agora da pra rir, blog só de cosméticos naturais e orgânicos não tem o mesmo alcance de um blog convencional, pois se o mercado orgânico num todo tem 6% de consumidores, nem todo mundo que tem a alimentação orgânica investe em cosméticos, são 2% de consumidores.
O adsense paga U$100 dolares mas as maracutaias do governo e do banco transformam em lucro liquido somente R$70.
E ainda acham ruim que trabalho com lojas afiliadas...

Sobre a falta de outras indicações:
Como eu já disse no grupo de FB, eu só tenho um cabelo, um tipo de pele do rosto, uma faixa etaria, um corpo e um só salario.
E não compro estoques de produtos cosméticos e makes e nem faço coleção.
Então produtos pra criança, pra espinha, pra cabelo seco eu não consigo responder tão detalhadamente como shampoo pra oleosidade na raíz, coloração com henna, pele mista ressecada. E me pedem estas informações, consigo indicar por interpretar os ativos da fórmula. Mas não seria mais fácil o próprio leitor
enviar um review, sendo que ele te,m internet e tem tempo de ler o blog?

Sem contar que eu tenho uma vida, tem trabalho, marido, cozinha, roupa pra cuidar, 2 dogs e ainda dedico 4hrs por dia, no minimo com o blog e suas redes sociais.
Pra receber comentário que só tem propaganda e não tem indicação de produto especifico para o caso da pessoa...

E eu não me importo de usar parte do meu $$ pra manter o blog, agradeço demais as marcas que reconhecem o trabalho por aqui e envim produtos e mais ainda as leitoras, muitas delas carinhosas, agradecendo a resenha ou indicação...
Mas tem hora que o balde transborda, de gota em gota de reclamação acabou saindo esse post.

Então me desculpe, você que é a leitora bacana, que agradece e volta pra contar os resultados - mas por conta desses 10% ingratos meu balde transbordou

21 de junho de 2012

Ayurveda | Aspectos psicológicos dos doshas

No primeiro post sobre Ayurveda houve uma apresentação dos aspectos físicos dos três doshas: Vata, Pitta e Khapa.
Agora falarei dos aspectos psicológicos de cada um, que é uma ferramenta valiosa de auto conhecimento para a pessoa fazer os ajustes e conseguir o equílibrio.



Aspectos psicológicos:
*Vata
- Mente ativa, curiosa, não para
- Aprende rápido assim como esquece
- Super animado e adora mudanças, fica com tédio rápidamente
- Se adapta fácile é muito criativo
- Tem uma rotina variada
- Gasta dinheiro a toa

*Pitta
- Mente inteligente e agressiva
- Aprende rápido mas demora a esquecer
- Determinado, vai atrás do que quer e impõe a opnião
- Tem muita coragem
- Rotina precisa
- Tendência ao luxo

*Kapha
- Mente calma, receptiva, lenta
- Aprendizado lento mas não esquece
- Dócil, relaciona-se fácil e está sempre disposto a ajudar
- É estável e da paz
- Tem uma rotina metódica
- É econômico

Quando Vata está em desequílibrio, gasta horrores e depois tem uma crise de consciência gigante, Pitta se torna "o senhor da razão" e arruma confusão por não aceitar opniões alheias.
Kapha por sua vez pode ser acometido de transtornos obssessivos devido seu temperamento metódico.
Deixando claro que seja qual for o seu Dosha, podem acontecer tais situações, lembrem-se que todos temos um pouco de cada, porém um sempre predomina .

Por isso o equílibrio é tão importante. Se você quiser saber os aspectos físicos de cada dosha, leia o artigo anterior:  Você sabe qual seu dosha?! (<-clica)
Para fazer um teste e saber qual é o seu dosha, clique aqui

   Observação:   
Caso você esteja acessando o blog via tablet ou celular, é necessário usar a 'visualização versão web' para que seu comentário seja postado via Disqus e assim respondido.

 

 

12 de junho de 2012

Ayurveda | Você sabe qual seu dosha?!

Vamos entrar um pouco na medicina indiana que é totalmente holística - ou seja trabalha corpo/mente/emoções visando o equilibrio e assim a saúde plena do ser. E como sempre digo, não dá pra falar de beleza sem que o interior, as emoções estejam equilibradas certo?!

Na Ayurveda as pessoas estão classificadas em três biótipos:


Para estarmos plenos e saudáveis é preciso equilibrio dos três. Vata governa o movimento corporal,  Pitta controla  metabolismo e digestão, Kapha rege a estrutura física e o movimento dos fluídos.
No entanto há um dosha dominante na vida do ser com algumas características de um outro - é o dosha secundário. E com sorte há pessoas com características dos três, que invejinha da Vata que vos fala!

Em termos corporais:
* Vata:
- Tem estrutura óssea fina, magro. 
 - Sua pele fina tende a ressecamento, assim como  o cabelo que pode ser crespo.
- Os olhos são escuros, pequenos e com poucos cílios. Tendem a unhas quebradiças.
- Sua fome é variável, de lua tem o dia da mega fome ou pode passar quase o dia todo sem comer, assim como sua digestão,o que acarreta em prisão de ventre.
- É a pessoa mais friorenta do mundo!
- O sono é leve, irregular e tende a insônia

* Pitta:
 - Tem bom desenvolvimento muscular e mantém o peso.
- De pele mista as vezes irritada, seus cabelos são lisos e finos etendem a calvície.
- Dono de olhos azuis ou verdes, medianos, sensíveis a luz com cílios ralos e oleosos com unhas rosadas.
- O apetite é grande, metaboliza qualquer alimento mas pode ter azia.
- Sofre com o calor, não suporta.
- Dorme pouco mas profundamente, facilidade para dormir e acordar

* Kapha 
- De estrutura grande e tende a ganhar peso.
- Olhos azuis ou pretos, grandes e com cílios fartos
- Apetite regular mas com digestão lenta e dificil.
- Tem muito sono e é pesado com dificuldade em acordar.
- Temperamento calmo e lento.

Basicamente um deles predomina mas não significa que isso nos define, como dito mais acima e como é geralmente - há uma combinação de dois deles que vão oscilando.
Eu por exemplo sou uma Vata ao cubo, no inverno eu congelo mas tenho a pele mista o que indica a uma tendência secundária a Kapha.

Nos próximos posts serão abordados a personalidade e como equilibrar seu Dosha dominante.
O desequílibrio pode causar no dosha Vata por exemplo insônia crítica ou excesso de ansiedade, em um Pitta pode dar uma gastrite pelo ataque de fúria desenfreado e em Kapha sua calma em demasia pode se tornar depressão. Por isso o equílibrio é tão importante!

Se quiser saber qual é o seu dosha, tem um teste bem bacana, clica aqui.
E aguardem os próximos capítulos do Caminho das Indias hehe...


 

18 de julho de 2016

Do sumiço e da aceitação das coisas


Estou voltando ao blog e para reinício, uma explicação para o que aconteceu, que pode ser uma luz pra você que está em processos, mesmo porque principalmente pra quem é Índigo as energias de transformação planetárias estão muito intensas...

+leia também: Aromaterapia | Bergamota  para facilitar a aceitação em pessoas Índigo

Quando comecei com este blog há mais de 5 anos, meu intuito era partilhar as informações que eu encontrava, porque naquela época não havia absolutamente nada aqui no Brasil -os sites das marcas não colocavam a composição que era a única certeza de comprar um produto orgânico de fato - comprei muita coisa na fé e muita coisa foi greenwash, propaganda enganosa
Graças à querida Heglaé do Mocinha Kawaii este mundo se abriu pra mim, e sou muito grata à ela, pois a partir dela pude conhecer outro blog que confio o Tantas Plantas da querida Michele, outra a quem devo muita gratidão.
Até que no começo do ano, as caixas com produtos enviados pra resenha aqui no blog pararam de me empolgar.
( um adendo deve ser feito: jamais escrevi pra nenhuma marca pedindo o envio, muito pelo contrário, estas pessoas confiaram no trabalho que venho feito aqui e principalmente no grupo do FB, clica aqui, orientando as pessoas quanto a uso e indicações. Álias até agradeço por isso pois eu não teria condições de comprar tantos produtos, embora muita coisa mostrada aqui comprei mesmo e gostei tanto que escrevi aqui. )

E no começo do ano, tive uma crise renal, uma pedra no rim, causada pelo excesso de medicação pra fibromialgia (sim, infelizmente eu preciso tomar principalmente quando estou em cursos / treinamento ou saio para comprar ingredientes pra fazer meus produtos de limpeza) e pelo excesso de queijo na transição para o vegetariano.
Mas como acredito que toda doença ou disfunção existe um componente emocional ou um emaranhado a ser resolvido, a pedra no rim continha uma energia a ser trabalhada em Constelação familiar, falei aqui o que é e onde faço.

Voltando às caixas com produtos, a não empolgação veio de uma distimia - uma das variantes de depressão com requintes de mau humor, aliadas à crises de dor homéricas da fibromialgia.
E foi o principal alerta: aquilo que eu gostava de fazer, já não empolgava, na verdade absolutamente tudo que gostava já não fazia mais sentido!
Então finalmente tomei a decisão de fazer um período sabático pois sim, como aromaerapeuta e terapeuta holística sabia que um quadro assim, há sempre um aprendizado por trás.

Mesmo com vontade de ficar enfiada na cama o dia inteiro devido ao desânimo, mau humor  e dor generalizada da fibro, continuei no grupo de Constelação familiar e autoconhecimento, porque sim - somente o autoconhecimento promove a transformação, portanto não havia espaço para outras coisas além de cuidar de mim e minha nerdice generalizada em estudar meios de cura, que álias estou estudando Florais agora porque usei em mim e tem dado resultados excelentes, álias, tudo que digo aqui no blog, eu testei e estudei por muito tempo, antes de soltar informação sem nenhum embasamento.

E juntamente com os processos do meu movimento em direção ao minimalismo, que venho contando nesta tag aqui. Que também entendi ser um processo, não adianta se livrar de tudo de uma vez pois as vezes você não está pronto pra abrir mão, muita coisa servia como âncora aqui no planeta Terra, principalmente se você é Índigo, com dosha Vata predominante e ainda te falta o elemento terra no mapa astral. Álias já fazem 3 anos que estou despachando coisas...

+leia também: Ayurveda | descubra as caracteristica doseu dosha predominante

Na verdade foi um processo bem complicado, nunca fiz uma desconstrução tão grande como essa...e sinto muito em te dizer mas trilhar o caminho do autoconhecimento e cura não é fácil, dói, incomoda - eu brinco lá no grupo que é como descascar cebolas rs...,você pega uma questão e vai descascando camada por camada: arde os olhos, chora, incomoda, cansa, dá preguiça...

 ...e há que se ter muita disposição e algum dinheiro, mesmo porque, não são muito baratos estes meios de cura. Funcionam?! Sim, mas há que se ter paciência para atuarem no organismo  - eu atualmente estou nos florais e aromaterapia pra apoiar meu processo de autoconhecimento.



E depois de algum tempo x alguns florais x vários óleos essenciais, finalmente encontrei meu dharma, que é ser terapeuta holística, minha coach da Constelação e minha falecida terapeuta floral já tinham dito do meu dom pra cura, só que há 5/6 anos atrás eu ri alto: cumassim?! Eu toda torta terapeutizar alguém?!
E se tivesse feito meu mapa astral, que também consta meu dom pra ser terapeuta, naquela época também não acreditaria. Portanto mais uma lição aqui: o  que sua terapeuta te diz pode não fazer sentido na hora, mas convém anotar, pois tem coisas que você só entende muito tempo depois! Até o perdão é um caminho a ser trilhado, você sabe que precisa mas ainda não consegue...

Atualmente saí da depressão distimica, tenho pelo menos 2000 coisas a menos em casa e pelo menos recuperei o ânimo pra vir aqui escrever...

+Leia também: Minhas leituras| A mágica da arrumação, - Marie Kondo


... e finalmente tive coragem pra assumir a fibromialgia aqui com todas as letras, me dei o direito de estar doente e tirar um tempo pra mim. Sou japa, tenho um nível de cobrança e rigidez de um samurai! Que com muito trabalho interno e ferramentas de cura aprendi a ser mais flexível...

Também fiz as pazes com a idéia de ter um gato, que também só foi possível depois destes vários anos de trabalho em autoconhecimento, olha que linda a Shanti:




Porquê estou me expondo tanto?! Porque a experiência e os processos de outras pessoas me ajudaram tanto, pode ser que venha um luz, um insight pra você... ... além de ter dom de terapeuta... que assim como foi dificil pra mim aceitar ser Índigo numa família extremamente racional e materialista, pode ser difícil pra você também... e sim, fibromialgia acontece muito em pessoas Índigo...

IMPORTANTE:  este blog não receita fórmulas de aromaterapia para fibromialgia e outros processos, é preciso avaliar todo o quadro para determinar quais óleos essenciais podem ser usados com segurança, para não agravar outros sintomas e não haver interações medicamentosas.
Caso queira uma consulta, entre em contato aqui.


3 de junho de 2014

[Minimalismo] semana 5 - Da digitalização das coisas

Esta semana apareceram do nada no meu email (?!?!?!) duas coisas interessantes: o Kindle do Amazon.BR  e scrapbook digital.

O Kindle é um reader do Amazon, que vende livros digitais e este leitor é sincronizado tanto no PC como no tablet. Achei muito bom, pois assim diminuo minha pegada ecologica com relação papel, e como sou uma leitora voraz, também não tenho tanto espaço pra guardar a montanha de livros que tenho. Além do que, os preços são bem melhores do que na versão em papel, por cerca de R$8 já dá pra comprar um livro digital.

Os livros tecnicos de aromaterapia, fitoterapia , ayurveda, não abro mão da versão em papel, mesmo porque eu coloco tags  e rabisco todos com notas pessoais. Mas livros que não preciso fazer tanta anotação, posso muito bem ler no tablet ou no PC.



Eu adoro scrapbook e estou fazendo projetos para as fotos que irão compor a decoração de casa, mas sempre me toquei que é um artesanato nada sustentavel, vai muito papel, além do que ao custro médio de R$4 por folha, $10 adesivos e etc x muitos deles, um projeto não sai mais por menos de $50.
Então do nada apareceu no meu email a versão digital (talvez por estar procurando material para scrapbook no google), onde o impacto ambiental fica só na moldura e em apenas uma folha impressa - sensacional!

Por fim, as centenas de anotações que preciso organizar para a casa nova e mudança, estou fazendo em quadro branco e no tablet, usei praticamente só 10% de papel se não tivesse essas duas ferramentas novas.

E você, que medidas digitais incorporou na sua vida para diminuit impactos ambientais, cortar custos e ganhar mais espaço fisico?

5 de junho de 2013

Shampoo Pracaxi e Andiroba - Cativa Natureza

Recebi este shampoo quando a marca lançou rs.... na verdade a Cativa mandou uma série de produtos dessa linha, eu sei tow atrasada! Mas gosto de testar bem - e agora que estou fritando meu cabelo, pelos banhos na última posição do chuveiro (seja Vata e saiba o que é congelar de frio rs... se quiser saber qual seu dosha na Ayurveda, clica aqui.) e lógico o cabelo sofre né...

E  do atraso - veja pelo lado bom: agora que tudo ressecou posso dar uma opinião melhor haha!

glyceryl caprylate, *Melaleuca alternifolia (leaf) water, lauryl glucoside, *Pentaclethra macroloba seed oil, *Carapa guainensis oil, glycerin, potassium sorbate , aqua, Aloe Barbadensis (leaf) Extract, dehydroxanthan gum, *Ilex paraguariensis leaf Extract, disodium cocoyl glutamate/sodium cocoyl glutamate, aqua, citric acid, Pogostemon patchouli oil, Cananga Odorata flower oil, Limonene, Linalool e Eugenol.71,5% ativos orgânicos rastreados
Vegan | Certifificado IBD | Cruelty Free

O que diz o fabricante:
Associação de tensoativos suaves e ingredientes orgânicos, como pracaxi, andiroba e extratos naturais de Aloe vera e Erva mate orgânica, promovem limpeza eficaz sem agredir os fios, deixando-os  macios e hidratados.

Notas importantes:
- meu cabelo é misto, um pouco oleoso na raíz e está abaixo do ombro, com a metade para baixo super ressecado (normalmente seco só nas pontas) 
- já faço uso de shampoos naturais e orgânicos há quase 2 anos
- não tem danos  maiores, uso henna e dificilmente uso secador e chapinha

O que eu achei:
A textura é de shampoo comum, na verdade é uma grande surpresa pois dificilmente vejo shampoos dentro dessa proposta que não sejam mega diferentes dos produtos convencionais. Então pra quem anda estranhando shampoos super aguados, este pode ser uma boa. Além do que o rendimento também fica no mesmo de um convencional.


Mas ainda faz pouca espuma, óbvio  - porque não tem o odioso sulfato. Na primeira lavagem quase nada, já na segunda quando os fios já estão limpos até que faz uma espuma considerável.
Eu estava lá feliz e contente usando sabonetes cold process diversos - mas acontece que meu cabelo resolveu ressecar absurdamente porque tenho fritado ele no chuveiro... coitado...

... aí que realmente conheci o poder hidratante, os sabonetes estavam deixando bem ressecados,  foi só passar este shampoo no comprimento, uaaaaaaaaau! Sabem sensação de cabelo derretendo?! É isso! Ficou muito macio , só com o shampoo - amei né! Sensação de cabelo palha no inverno nunca mais!

E a Cativa Natureza põe os ingredientes em ordem decrescente o que significa do mais para menos usado, se você olhar a composição verá: pentaclethra macroloba seed oil= óleo de Pracaxi, praticamente depois de água e  hidrolato de melaleuca (tea tree), então tem bastante óleo de pracaxi mesmo, que tenho considerado o melhor óleo capilar no momento, saiba o que ele faz aqui.

O cheiro é exatamente igual ao condicionador, da linha - predomina Patchouly com um toque floral de ylang ylang, respectivamente Pogostemon patchouli oil e  Cananga Odorata flower oil, estão em último na lista de óleos e se usa menos mesmo na composição porque são eles que dão as notas aromáticas do shampoo, são óleos essenciais que claro emprestam suas propriedades benéficas - mas por serem OEs se usa menos mesmo.
Linalol e etc são componentes químicos da estrutura dos óleos essenciais.

Então SIM! é  um shampoo que cumpre o que promete!
Ah sim, no próximo envase a marca disse que será com válvula pump. Custa R$38 com 250, clica aqui


IMPORTANTE: Devido a presença de óleos essenciais, se você estiver grávida ou amamentando, consulte um naturopata ou aromaterapeuta antes do uso. Ylang ylang pode causar naúseas!

Atenção: se você está chegando agora ao mundo dos cosméticos orgânicos e 100% naturais, o shampoo não será tão eficiente de imediato pois é necessário retirar toda a camada de silicones e derivados de petróleo que os condicionadores, leave in, produtos finalizadores e tintura convencional deixaram, saiba mais sobre a transição capilar aqui.


Você pode querer ler:
Óleo de Pracaxi - Laszlo 
Shampoo Lippia Alba - Herbia
Óleo de argan - Harmonie Aromaterapia
Terapia capilar orgânica - Espaço Surya  
Condicionador Pracaxi & Andiroba - Cativa Natureza
Condicionador Buriti cabelos tingidos e danificados- Surya

 

9 de julho de 2012

Aromaterapia | Sinergia do movimento - Terra Flor

Conheci a Terra Flor na BioFair e achei a Vishwa uma pessoa de muita luz, sabe uma energia gostosa de estar perto?! (Álias todas as "donas" de negócios de aromaterapia parecem ser assim... é incrível!). Conversamos uns minutos e contei a ela que estou com fibromialgia - bem eu não gosto de expor tanto a vida pessoal no blog mas como se trata de uma coisa que possa ajudar outras pessoas e é sobre aromaterapia, vamos lá...


Eu venho tentando encontrar paliativos para a dor crônica que anda me acompanhando há inacreditáveis DEZOITO ANOS e na fanpage do blog (<-vai lá que tem muita informação bacana!) eu contei que é necessário tomar cuidado com excesso de medicação pois uma hora teu fígado vai reclamar... ... e foi o que aconteceu recentemente, embora só use o derivado de morfina em extrema necessidade (pra ver o nível punk hardcore da coisa...). Graças aos céus, na maioria das vezes um banho escaldante seguida de uma massagem ajuda, só que nessa temporada houve muito stress, de falecimento a internação de pessoa querida e mais o inverno que piora quadros reumáticos, resultado: da-lhe remédio!

Descobri essa do fígado reclamando indo num acupunturista, e se na Ayurveda sou Vata, na Medicina Chinesa sou do elemento madeira, que tem o psicológico equivalente e o ponto fraco do organismo é ele (cada vez mais fico admirada com estas medicinas milenares, holísticas mesmo, que não veem só teu fígado ou sua dor - mas analisam o conjunto...)... ok ... fazer o que, então preciso tomar cada vez mais cuidado com medicação, e este também é um dos motivos pra procurar alternativas mais saudáveis em tudo, até nos cosméticos...e procurei ajuda da aromaterapia também.

Por que estou contando tudo isso?!
Bem, hoje fez muito frio aqui em Sampa, o que significa duas coisas: agrava o individuo Vata (que congela geralmente no frio!) e agrava a dor dando essa situação caótica, onde o único lugar que parece mais confortável é a cama com várias cobertas, e era onde ficaria SE eu não tivesse o módulo do curso de auto conhecimento hoje. Na verdade eu iria cabular pois o local é muito frio e pouco confortável pra quem anda com dor da unha do dedão até o couro cabeludo...

E óbvio que quando se está com dor, seu humor  cérebro não funcionam direito... tudo isso pra dizer que essa sinergia foi "power"! E lá no curso preciso estar centrada. Funcionou perfeitamente bem pra mim!

Composição da sinergia:
* Alecrim: tratar dores musculares e reumáticas,estimulante mental.
* Óleo de bétula: anti inflamatório, analgésico

* Canela: sudorífero, estimulante mental
* Cipestre: antireumático
* Cravo:  anti nevralgico
* Eucalipto: antireumático e anestésico
* Gengibre: antireumático e antidepressivo
* Lavanda:  antistress e analgésico
* Pimenta negra: analgésico, bom para dor na região lombar, artrite, torcicolo
 Nota: os óleos essenciais apresentados tem muito mais propriedades do que os citados, foram colocados as indicações para o caso específico

O que eu achei:
FANTÁSTICO! De ler as indicações para reumátismo e dores em geral já dá pra ver porque age. No caso da crise de fibromialgia onde "dói tudo seu dotô!", há também o quadro mental de mau humor e irritação e até um certo lag mental... o alecrim e a canela dão um up na pessoa. A pimenta negra além de ser boa para dor é usado em desintoxicação - ou seja bom também para me ajudar nesse processo do fígado carregado de alopatia.

Agora a ação sudorífera da canela - ãh como assim?! Gente, simples assim: se algo ajuda a esquentar também já é coadjuvante potencial na dor, se está frio nada melhor que isso pra ajudar, e não você não vai sair suando, a intenção não é esta nesse caso - é ajudar a aquecer e só... a não ser que você exagere na dosagem.
Ah, o cheiro principal é um mix de cravo e canela, e fica viu... cheguei no curso com a mente clara e alerta, com bom raciocínio,bem humorada a dor estabilizada e cheirando a cravo rs... diria que estava bem temperada hoje, docinha rs...

Melhor recipiente para uso de aromaterapia e coisas naturais: cerâmica ou vidro, plástico pode passar resíduos!

Como usei:
Massagem diluído em óleo vegetal, neste caso- de gergelim que é o recomendado para Vata - mas gente, até óleo de oliva pode ser usado como carreador em aromaterapia...
No frasco indica compressas, banhos, fricção na planta do pé e eu recomendaria escalda pés já que pode ser usado no banho.
Para saber como usar os óleos essenciais, verifique as dosagens para cada caso neste post, clica aqui.

Pra quem tem problema de insônia, não acho bacana usar a noite, uma vez que tem óleos essenciais estimulantes. Por exemplo - o alecrim que é um potente estimulante mental. Eu sugiro que use pela manhã, pra ajudar a destravar e dar aquela acordada.

Álias JAMAIS recomendaria alguém leigo a fazer essa sinergia uma vez que há óleos essenciais extremamente tóxicos se não manipulados na dosagem correta, como o cravo que pode envenenar literalmente!
Vishwa contou que ela criou a sinergia exatamente para um caso de fibromialgia mesmo, para uma aeromoça... e pela minha experiência, dá pra ver que funciona.
E é por isso que cada vez mais ando apaixonada por aromaterapia, olha mais um caso que ela pode ajudar a tratar!

O frasco com 10ml de produto custa R$54,20e pode ser encontrado no site da Terra Flor - clica aqui ou na Aromalife aqui, que  está oferecendo desconto para nossas leitoras, clica aqui para pegar o código de 5% aqui.


Você pode querer ler:
Sinergia Slim - By Samia
Sinergia roll on Energise - Tisserand 
Óleo de massagem Detox - Tisserd 

Importante: se você tem problemas de saúde,está grávida ou amamentando, consulte o SAC da marca ou procure um aromaterapeuta ou naturopata por precaução.

*Utilize o código PBS2016 e ganhe 5% de desconto na Aromalife! Clica aqui.



 


nas compras no site da Aromalife! Clique e acesse!

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | free samples without surveys