Páginas

Mostrando postagens com marcador Sachi. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Sachi. Mostrar todas as postagens

4 de abril de 2014

#40 Sabonete Argila verde - Sachi

Dificilmente sabonetes da Sachi decepcionam, pelo contrário, me surpreendem!
Já havia usado um sabonete de argila verde, que pra quem não sabe é um dos melhores ativos contra oleosidade- mas que ressecava demais e dava efeito rebote (este aqui) - porém a Sachi conseguiu equacionar muio bem os ingredientes para que não aconteça isso:

Ingredientes: argila verde, óleos saponificados: azeite de oliva extravirgem, óleo de palmiste*, óleo de palma, água, óleos essenciais de eucalipto e litsea cubeba - antioxidante natural thymus vulgare = tomilho
*ingredientes orgânicos

Produto artesanal | Vegan


O que eu achei:
O aroma é bem agrádavel, um herbal do mix de litsea + eucalipto sem sobressair nenhum dos dois, o que pode conquistar homens também, pelo menos meu marido gostou.
É uma nota pessoal mas fiquei encantada om o tom de verde conseguido, me remete a cor de cristais (ok, eu viajo rs...)  me encanta ver a cor em tom pastel, bem diferente de outros sabonetes que tem a cor da argila bem presente - e se você não sabe, a dica para sabonetes cold process não derreterem tão fácil é cortar um pedaço e deixar numa saboneteira com escoamento de água, o meu é este suporte:


É incrivel como esse sabonete consegue limpar profundamente sem ressecar ao extremo - tenho a pele mista/ ressecada nas bochechas e nessa área o ressecamento foi mínimo, contornável com hidratante. Meu marido que tem a pele oleosa, também gostou muito da limpeza proporcionada.

Temi que esse pequeno ressecamento fosse dar efeito rebote, ou seja - minar mais óleo, mas isso não aconteceu, junto com tônico + hidratante,no caso - linha pele oleosa Cativa conseguiu a proeza de segurar a oleosidade por muito mais tempo, muito mais que até o ótimo e próprio sabonete dessa linha, que agora ficou em 2. lugar nas minhas preferências, bateu até meu favorito da marca, o black soap.

Também ajudou a segurar mais tempo a dignidade da make, o que achei incrível, até com primer, que ainda uso um da Bare minerals de vez em quando (mas muito de vez em quando- só em eventos), meu nariz que mandou dizer que é oleoso mesmo e não tá nem aí, se comportou por mais tempo, o que me deixou agradavelmente surpresa!
Na verdade foi o único sabonete que conseguiu essa proeza no meu rosto, e olha que já usei produtos mais caros como Vichy, Red Rice da L'occitane  ou até Pureness da Shiseido, todos deram efeito rebote em algum momento - e bom que se diga que hoje passo longe pela fórmula bombástica e por teste em animais, sem contar resíduos poluentes como o sulfato.

Diria que é minha escolha ideal para peles mistas e oleosas, uma vez que no corpo, áreas normais se ressentem da limpeza profunda proporcionada pela argila e é necessário uma hidratação extra - mas nada que um óleo de banho não dê conta. E se usado só no rosto ele dura muito mesmo.

Update: este sabonete funcionou assim na minha pele, morando em São Paulo, leitoras do blog que moram em locais mais quentes que a capítal paulista não apresentaram estes efeitos.

Enfim, fico muito feliz que a força da natureza conseguiu desbancar produtos renomados com mestria, pelo menos em mim!

Pra quem não sabe, a Sachi produz em pequenos lotes, paguei R$16 por  120g de produto, se interessou, pode perguntar quando sai novo lote, clica aqui.

23 de abril de 2013

Manteiga emoliente Muru-muru para mãos e corpo - Sachi

A Sachi de vez em quando põe a venda manteigas vegetais turbinadas com óleos essenciais. Digo turbinadas, pois os OEs presentes na fórmula agem como perfume ou para trabalhar o emocional. No caso deste, é para meditação.
O Murumuru em si é altamente nutritivo e hidratante.

Esta tem uma sinergia de olíbano e breu preto. Pra mim ressalta o olíbano (que uso em lamparina vegetal quando oro aos antepassados), que eu realmente não simpatizo com o cheiro, resinoso amadeirado, bem como o breu preto - diria que é uma fragância um tanto masculina. Confesso que prefiro a de cupuaçu que era lavanda e camomila (gostei tanto que até fiz uma porção rs...).

manteiga de murumuru orgânica, óleos essenciais de olíbano e breu branco

Tirando o cheiro, que é o que menos importa - quer dizer, a não ser que você queira se preparar para uma aula de yoga ou meditar. Essa manteiguinha é um multifunção mega perfeita!

- Como tenho cabelos pesados e grossos, 'duas pazinhas' da manteiga aquecida entre as mãos funcionam maravilhosamente bem como leave in, na hora da aplicação parece que fica emplastrado mas magicamente o cabelo absorve tudo e fica muito macio.

- Pra ajudar no ressecamento pós coloração com henna: daí é preciso quatro pazinhas aquecidas entre as mãos, logo que se lava a henna - o cabelo fica bem duro. Com a manteiguinha além de não ficar pesado, retira todo o ressecamento deixado pela henna

- Agora que está frio, a única parte do meu corpo que é extra seca são as canelas, e nisso ela é imbátivel, uma pazinha bem cheia, derretida entre as mãos é super potente! Adeus efeito 'deserto do Saara'

- Ao aplicar nos pés e colocar meias em seguida, no dia seguinte eles estãoultra macios!

- Muito boa também pra hidratar mãos e cutículas, pra mim, meia pazinha é o suficiente para as duas mãos.


O pote vem com 30g mas não se enganem, é produto para o ano inteiro - é muito economico, só um pouquinho já basta. Quando está mega frio, fica extremamente dura, então é preciso aquecer o pote entre as mãos para conseguir tirar a manteiga. Ao aplicar, ela literalmente derrete na pele até ser totalmente absorvida.

O que acho muito bacana é seu tamanho compacto- ideal para por na mala (melhor do que levar um frasco de 200g na necessaire ou aqueles refiláveis que sempre desperdiça produto porque você não consegue tirar tudo...), com um produto só você resolve cabelos, mãos e pernas e pés. E quem precisa de hidratação potente, é uma ótima pedida.

Gosto bastante do produto - mas são edições limitadas, é preciso esperar a Sachi colocar na loja.
Por isso é bom ficar de olho de tempos em tempos no Fb da marca - clica aqui.
Atualmente estão disponíveis as versões Cupuaçu - Citrico e Floral e a Murumuru Ervas,por R$25 clica aqui.

3 de junho de 2012

À mestra com carinho - uma caixa recheada de carinho

Essa semana foi aniversário da coacher do curso de auto conhecimento, a quem posso chamar de mestra com toda certeza.
Ela é uma pessoa iluminada, daquelas que acendem dezenas de outras velas (pessoas) e que me ilumina a cada dia no curso.
Mas o que se dá a uma pessoa assim, que vai até pra India em retiro pra se aperfeiçoar cada vez mais?! Que o amor, não no sentido homem x mulher mas amor incondicional está na aura?!

Eu tinha aqui uns sabonetes da Sachi (<-clica) 100% naturais, que também representam amor as pessoas que usam, pelo cuidado com que são feitos, pela escolha dos ingredientes e por respeitar a natureza já que não poluem... é também outra forma de amor- à mãe natureza.
Pra acompanhar, escolhi um caderninho com a capa feita de papel reciclado:



O sabonete Andiroba Citrus com seus óleos essenciais e pelo cheiro maravilhoso que  tem:
- Óleo essencial de limão é revigorante e ajuda em pernas cansadas
(pensei: ficamos sentados quase o tempo inteiro escutando os ensinamentos e nos auto trabalhando e uma revigorada é sempre bom né...)
- Óleo essencial da laranja tem efeito reanimador quando há a sensação de tédio e falta de energia
(e quem em algum momento não fica assim?!)
- Oléo de Ho Wood também conhecido como Litsea Cubeba parece criar um clima ensolarado
(segundo a Sachi - mas sim, ele  dá mesmo essa energia positiva)

Achei perfeito para uma pessoa assim!

Agora a embalagem, eu quando dou um presente prefiro colocar em algo que sirva para outros usos... Nessa eu me emocionei muito mesmo, pois quando saí da emissora de TV por estafa nervosa (que depois descobri ser fibro), fiz um curso de cartonagem como terapia ocupacional- pois curto muito um DIY (Do it yourself), que acabou virando trabalho depois - sim eu era arteira, kkkkkk!
 Amava passear nas lojas de tecido, amava ver as estampas fofas deles, imaginar como ficaria numa caixinha e adorava o processo de confecção, os olhinhos brilhavam a cada peça que ficava pronta. Só parei quando a fibro não me deixou mais - foi aí que iniciei meu processo de terapia e auto conhecimento, que já tem uns três anos...

Pensei que seria bacana colocar um presente artesanal numa embalagem também artesanal - mas fiquei receosa por todos estes anos sem fazer... uma vez que a fibro minou minha auto estima, indo parar abaixo do chão (mas graças a Deus, aos florais, a homeopatia, terapeutas e agora aos óleos essenciais estou me reerguendo - e muita mas muita força de vontade e trabalho de auto conhecimento).
Voltei ao cantinho do ateliê, de início me deu uma tristeza em ver todo aquele material parado... mas a vontade era tanta que encarei.

Todo o processo teve uma atmosfera mágica, cercada de carinho - marido cortou o papel paraná, por ser duro demais e que não consigo porque não tenho a mão direita perfeita por conta de uma sequela na infância (mas quem vê nunca acha que houve algo).
A escolha da estampa, também foi criteriosa um verde - que é a cor da cura.

O papel paraná pronto pra ser revestido e virar caixa
 Passei três horas fazendo, tive um pouco de dificuldade em lembrar como cortar o tecido pra encaixar na forração, mesmo um pouco apreensiva com o resultado final, estava calma, havia amor no processo e acima de tudo - muita gratidão a mestra, e o resultado foi este:


E sabe o que é mágico nisso? Ela conseguiu sentir todo o carinho e dedicação - a energia que tinha em cima deste trabalho. E eu fiquei mais que feliz por ter conseguido fazer depois de todos os percalços ao longo destes anos. E adorou o cheiro cítrico do sabonete da Sachi.

E tenho uma vozinha lá no fundo, me dizendo que minha ex terapeuta e colega deste curso que me levou lá, deve ter ficado feliz lá de cima... pois quando aprendi a fazer as caixinhas tinha mostrado pra ela - que tinha achado lindo também.

Com certeza são duas pessoas que ficarão pra sempre no meu coração! E o que é o amor na vida da gente... faz mágica!


   Observação:   
Caso você esteja acessando o blog via tablet ou celular, é necessário usar a 'visualização versão web' para que seu comentário seja postado via Disqus e assim respondido.


 


Cupom válido durante todo ano de 2018- acesse!

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | free samples without surveys