Páginas

Mostrando postagens com marcador Condicionador. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Condicionador. Mostrar todas as postagens

24 de novembro de 2015

Depoimento da leitora | Lili conta como foi sua transição capilar

Recebi um coment muito fofo além de muito informativo, a leitora Lili conta como lidou com a transição capilar e seus produtos preferidos!

Olá Yumi!
Fazem uns três anos já que acompanho seu blog e gosto muito!
Hoje reli de novo seu post sobre a transição de shampoos e condicionadores  AQU Ie resolvi colocar a minha experiência.

E a grande sacada é: testar várias marcas e shampoos e métodos até você descobrir o ideal pra você. Testei alguns shampoos da Sal da Terra, da Cativa, da Ikove; testei os sabonetes em barra, usei com bicarbonato, sem bicarbonato, fiz pré lavagem com vinagre, fiz pós lavagem com vinagre; usei o seu métodos do borrifador AQUI ...enfim... confesso que cheguei a ficar estressada em alguns momentos, até descobrir o shampoo e condicionador ideal, e agora não mudo mais não! haha

Meu cabelo é fino e liso, sendo um pouco oleoso na raiz, mas normal nas pontas, nunca tive nenhum problema de ressecamento...
...mas ao usar os sabonetes em barra, de várias marcas, meu cabelo ficava mega vassoura!
Mas a questão não era ressecamento, o problema é que mesmo fazendo espuma, e dando aquele barulinho de limpo, sabe?, o meu cabelo não ficava muito limpo. Fica na verdade um resíduo, que mesmo enxaguando, não sai. Aí o cabelo tipo, pesa, fica esquisito.E no meu caso não é devido a transição, pois fazem quase três anos que uso shampoo e condicionador orgânico e hoje ainda, se uso só sabonete vegetal isso me acontece (acontece a mesma coisa com os shampoos da Sal da Terra também). 


Então, por ter ouvido falar bem do shampoo de acerola da Ikove e o de Copaíba da Cativa, eu testei e amei! São os shampoos que melhor limpam, o da Ikove inclusive, limpa até demais haha. Então agora intercalo sempre uma lavagem com sabonente vegetal e uma com o shampoo de Copaíba da Cativa. O de acerola da Ikove uso de vez enquando pra dar uma geral. E o meu condicionador preferido é o de pracaxi e andiroba da Cativa natureza.
E assim o meu cabelo está bonito, brilhante e saudável. Melhorou bastante a oleosidade que eu tinha na raiz antes e também a caspa.


Enfim, era pra ter sido só um comentário, mas virou um textão! Mas se você quiser compartilhar a minha experiência, fique à vontade. Admiro muito o seu blog e a suas mudanças por se tornar uma pessoa melhor pro planeta. Me serve de inspiração! Abraços,
Lili

-------------------
Gratidão Lili! Vai ajudar muito as moças que estão neste processo, também agradecemos pelo carinho com o blog...

Se você quiser mandar seu depoimento, acesse AQUI

14 de novembro de 2015

Linha de frutas da Surya não é orgânico


Fico muito triste de escrever esse post mas é a enésima leitora me dizendo ter comprado gato por lebre nessa linha de frutas da Surya.

Só pra constar: eu gosto muito da marca, meus posts AQUI sobre os produtos que usei são todos positivos, adorei a fórmula do esmalte, contei AQUI ...
...então que fique bem claro,  não estou fazendo protesto contra a empresa em si, que é uma linda, visitei a fábrica uns 4 anos atrás e gostei muito da postura, inclusive social.

E nessa visita questionei a linha de frutas, que tem este termo que induz a consumidora ao erro:

rótulo shampoo amla guaraná e melão
Estão vendo que está escrito: 'com óleo orgânico de laranja'?!
Acontece que muita gente lê  e acredita estar comprando um shampoo 100% orgânico e de acordo com as normativas das certificadoras.
Mas se analisarmos a fórmula, temos vários componentes grifados em vermelho que não podem estar em uma fórmula de produto orgânico certificado:

composição shampoo amla, guaraná e melão
Sulfato é o agente espumante/detergente, se formos ver pelo EWG tem nota 1, ou seja verde , mas além de ser dermoagressivo ele polui. Além disso é sintético, o que é proibido pelas certificadoras vide AQUI.

Parfum ou fragance, também é sintético e tem score 8 no EWG, uma das piores notas possíveis. Embora não tenha parabenos, usam um conservante pior: Methylchloroisothiazolinone, Methylisothiazolinone com nota 8 também, clica AQUI.

+ Sem parabenos signica que é seguro? Acesse aqui
+ Saiba quais ingredientes em cosméticos devem ser evitados - acesse aqui


Quanto ao óleo essencial de laranja citado no rótulo, de fato tem, grifado em verde água, é o último ingrediente ativo, depois temos acido citrico, um conservante alimentar e corantes  que são sintéticos, um deles com nota 3 no EWG.

Na rotulagem clássica, os ingredientes aparecem por ordem decrescente, se o óleo de laranja está lá no fim, tem muito pouco dele- algo como 0,5% para menos, além disso até na aromaterapia dá pra saber que se usa muito pouco numa fórmula.

 Os produtos da linha de frutas da Surya não são orgânicos! 

Infelizmente estes produtos  são o que podemos chamar de greenwash, quando  tenta passar a imagem de orgânico/ 100% natural, quando não é - saiba quais:

- Shampoo, condicionador e máscara de tratamento amla, guaraná, melão
- Shampoo, condicionador e máscara de tratamento laranja e andiroba
- Shampoo, condicionador e máscara de tratamento morango e buriti
- Shampoo, condicionador e máscara de tratamento maracujá e copaiba
- Shampoo, condicionador e máscara de tratamento coco e ucuuba
- Shampoo e condicionador Canela e cupuaçu

Mas amiga- agora deu nó nas ideias, você disse que os produtos da Surya são naturais / orgânicos, e agora?!
Disse e continuo dizendo, mas veja bem, neste post AQUI  deixei bem claro que somente as linhas Amazônia Preciosa AQUI, Sapiem Women e Sapiem men AQUI são orgânicos certificados pela Ecocert



A linha Color fixation apesar de não ser orgãnica, nós aqui do lado verde da força aceitamos usar, pois as fórmulas são tranquilas, sem ingredientes proibidos pelas certificadoras. Inclusive fiz resenha da máscara AQUI.

Enfim, não entendo essa postura da marca...
...quando estive na fábrica, disseram que reformulariam a linha Color Fixation: tinha uns sintéticos problemáticos, e fizeram: tiraram estes ingredientes.
Poderiam reformular ou ao menos deixar claro no rótulo que não se trata de produto orgânico.

+ Se você quer saber quais marcas realmente são orgânicas/100% naturais - clica aqui.
+ Se você quer saber que outras marcas parecem ser orgãnicas mas não são- clica aqui.

9 de outubro de 2015

Condicionador orgânico Lavender & Avocado Intensive Conditioner - John Masters Organics

Eu fiquei super feliz ao saber que John Masters tem travel size agora!
Pois assim dá pra testar sem perder as calças, além disso vai que não gosto, assim não perdi tanto dinheiro (embora sempre acabo inventando outro uso para o produto).
Agora que tenho mechas, meu cabelo se ressentiu muito junto com o banho escaldante no inverno e este deu muito certo!


Aloe barbadensis (aloe vera leaf juice) gel,* aqua (water), behentrimonium methosulfate, cetearyl alcohol, panthenol, hydrolyzed soy protein, hydrolyzed wheat protein, sorbitol, simmondsia chinensis (jojoba) seed oil,* cocos nucifera (coconut) oil,* hyaluronic acid, helianthus annuus (sunflower) seed oil,* sulfur, linum usitatissimum (flaxseed) seed oil,* borago officinalis (borage) seed oil,* soy lecithin, soy tocopherols, citric acid, arnica montana (arnica) flower extract,* camellia sinensis (white tea) leaf extract,* chamomilla recutica (chamomile) flower extract,* calendula officinalis (calendula) flower extract,* equisetum hiemale (horsetail) leaf/stem extract,* foeniculum vulgare (fennel) seed extract,* potassium sorbate, sodium benzoate 

*Certified Organic by QAI / CCOF



Cosmético orgânico | Cruelty-free | Vegan

O que diz o fabricante:


Recomendado para um condicionador intensivo desempenho salão de beleza natural, orgânica para secos, danificados e cor tratada ou cabelo com permanente.

Lavanda e óleos de abacate além de manteiga de karité criar de forma intensiva para trazer umidade e vitalidade ao cabelo seco. Contém mais de uma dúzia de extratos de plantas e óleos essenciais para hidratar e fortalecer o eixo do cabelo.

Pode ser usado depois de shampoo ou como um tratamento de uma vez por semana ou conforme necessário.
Como visto na VOGUE, GLAMOUR E AO Sunday Times Magazine ESTILO Vencedor de Melhor condicionador no Earth Day AwardsS 2011

O que eu achei:
Tem textura normal de condicionador. Se eu não soubesse que é um produto orgânico eu diria que cheira a creme vagabundo, de fragância sintética sabe?! Essa foi minha primeira impressão, mas se você prestar atenção, tem um leve fundo de lavanda.
Comprei pois tenho achado que meu cabelo ama abacate, tudo culpa da Fefa kkkk e seu shampoo de abacate e menta aqui

Interessante é que em vez de água tem extrato de aloe  como veiculo principal. Assim como o Unscented Detangler aqui, m acredito que todos os condicionadores da marca usam Behentrimonium.
Veja que é um produto pra fios danificados, pelo abacate e o côco que são óleos de alta hidratação


Ele é potente, tanto que se usa muito pouco mas bem pouco mesmo,se usar demais pesa até no meu cabelo grosso e pesado e que agora tem reflexos nas pontas.
Mas o que mais gostei  foi agindo como leave in. Fiquei com preguiça de enxaguar no inverno, então testei como leave in, e gente que incrivel! pouquissimo dele faz o serviço. E sendo assim, tanto como condicionador como leave in deve render bastante os 60ml da versão travel

A Love Lula dá desconto de VAT (consumidores estrangeiros), deve cair quase U$2 no checkout, a embalagem com 60ml de produto sai U$12,14 aqui*

*contém link afiliado

22 de maio de 2015

Dica da Leitora | Condicionador orgãnico Pracaxi e Andiroba Cativa em cabelos cacheados


A dica de hoje é da leitora Elizandra Graeff -Campo Grande
Ela comprou o condicionador Pracaxi e Andiroba da Cativa Natureza, por ter visto no blog, falei aqui, funciona muito bem no meu cabelo, como condicionador e também de leave in.




Nesse dia  das fotos comecei a usar  shampoo e condicionador da linha Pracaxi e andiroba
a principio não gostei
Mas agora é só amor, derrete no cabelo! Nossa!


estão vendo que está meio seco e sem brilho?


Eu passo dois pumps, a primeira eu passo e faço massagem, enxaguo e passo a outra mão, massageio mais e enxaguo, torço o cabelo de leve, divido o cabelo em dois, com as mãos mesmo e   estou usando com a dica do blog de leave in.




Dá pra ver claramente que está bem hidratado e comportadinho!
As leitoras e eu agradecemos sua dica, as mulheres de cabelos cacheados sempre me perguntam e eu não sei como funcionaria, porque tenho cabelo ondulado e pesado!
Tem a dica de outra cacheada , a Soraia com produtos da artesanal Ewé aqui

Quer enviar sua dica para o blog e ajudar as outras leitoras que tem cabelos diferentes dos meus? Envie no formulário de contato do blog aqui


26 de agosto de 2014

Condicionador orgânico unscented detangler - John Masters Organics

Conheci esta marca através do Tantas Plantas ( <-leia resenha) da Michelle, e devo gratidão eterna a ela, é o melhor condicionador que já usei na vida!


Aloe barbadensis (aloe vera leaf juice) gel,* aqua (water), behentrimonium methosulfate, cetearyl alcohol, panthenol, hydrolyzed soy protein, hydrolyzed wheat protein, sorbitol, simmondsia chinensis (jojoba) seed oil,* cocos nucifera (coconut) oil,* hyaluronic acid, helianthus annuus (sunflower) seed oil,* sulfur, linum usitatissimum (flaxseed) seed oil,* borago officinalis (borage) seed oil,* soy lecithin, soy tocopherols, citric acid, arnica montana (arnica) flower extract,* camellia sinensis (white tea) leaf extract,* chamomilla recutica (chamomile) flower extract,* calendula officinalis (calendula) flower extract,* equisetum hiemale (horsetail) leaf/stem extract,* foeniculum vulgare (fennel) seed extract,* potassium sorbate, sodium benzoate * NOP Certified Organic
O que diz o fabricante:

Recomendado para todos os tipos de cabelo, excelente para pessoas que são sensíveis a fragrância. 

Para quem gosta de qualidade e desempenho do seu cabelo, mas não gostam de produtos excessivamente perfumados, o John Masters Organics lançou uma nova gama nu que é sem perfume. Ele fortalece, revitaliza e deixa o couro cabeludo saudável. - Daily Mail 

O, condicionador perfeito sem perfume. Uma mistura única de extratos de arnica e calêndula combinada com ácido hialurônico para proteger, hidratar e cabelo Detangle. Não contém lauril sulfato de sódio. Seguro para cabelos tingidos.

O que eu achei:
Só tenho uma palavra pra ele - é um condicionador ignorante! Gente nunca vi nada parecido antes, e olha que já usei vários produtos, desde Seda até Kerastase, nada fez isso no meus cabelos! Ficam muito macios, sabe aquela sensação de cabelo derretendo? É isso ! Ele é tão bom que ganhou prêmio de melhor condicionador pela revista feminina Allure.

Claro que parte da ação dele vem do behentrimonium methosulfate, agente condicionante  - mas o sucesso é a fórmula no todo, é um produto muito leve, me lembra leave in, que se você exagera , o cabelo fica 'boi lambeu' rs... de tão liso e escorrido que fica, então tem que saber dosar, o que é um ponto positivo, já que não precisa de tanto produto.

Por ser bem leve, funciona como leave in também é sensacional, bem pouco mesmo já faz o serviço.

Sobre a ação desembaraçante dele, não posso falar em mim, pois meu cabelo é pesado e grosso, quase não embaraça, então fui testar na minha cocker, cujo pelos são finissimos e muito fáceis de embaraçar, testei nas orelhas... gente, parece que passei manteiga nas orelhas dela, ficou facílimo de desembaraçar! Então sim, cumpre o que promete nesse quesito.

Bacana dele é que é sem fragância - e fragância no mundo orgânico é óleo essencial, ou seja ele não tem, o que significa que é muito seguro pra crianças pequenas e qualquer faixa etária, bem como quem não pode com cheiro de OE.

Aí que o produto se torna um coringa, você pode colocar o óleo essencial que quiser ou turbinar com algum óleo vegetal e fazer sua própria máscara capilar.
É meu condicionador preferido!
Gosto de usar também no day off de OEs, o dia que uso nada que tenha óleos essenciais.

E se você não tem um hidratante, ele pode servir pra isso também, é lindo!

O frasco com 236ml sai por U$23 na Cosme De, onde comprei que agora tá com frescura e você só pode comprar se somar U$60, então a Love Lula é a melhor opção, por U$24 e frete grátis, além de abater o imposto para clientes de fora da Inglaterra, mais ou menos 2libras de desconto - clica aqui.

26 de abril de 2013

Usar condicionador como leave in?!

Se este fosse um blog de cosméticos convencionais, você até poderia me chamar de louca - mas como não é...

Aposto que ontem muita gente que leu a resenha do Condicionador Pracaxi e Andiroba da Cativa Natureza e me viu usando como leave in -contei aqui, pode ter ficado com essa dúvida: "ah e não pesa, não prejudica os fios a longo prazo, não estraga o cabelo?!"

A resposta é NÃO
Sabe porque?! Não tem  componentes químicos e muito menos nocivo que prejudique os fios. Em se tratando de condicionadores ou máscaras capilares orgânicas elas podem ser usadas tranquilamente com esta função, justamente pela composição ser basicamente e tão somente óleos e manteigas vegetais, que o cabelo absorve tudo, é nutrido por estes ingredientes que não impedem o cabelo de respirar.
Pelo contrário, a longo prazo você terá um cabelo cada vez mais forte e saudável.

Se estivessemos falando de um condicionador normal aí é que nunca você poderia fazer isso... porque ia pesar, deixar ensebado e com o tempo danificar os cabelos. Justamente porque os condicionadores convencionais tem parafinas, petrolatos e silicones mil - componentes que só saem dos cabelos com um forte tensoativo, literalmente um detergente anti resíduos.



E a resposta está na fórmula - veja aqui um condicionador com somente ativos vegetais X um com várias substâncias ditas protetoras e condicionantes dos fios:
  • Condicionador Pracaxi e Andiroba Cativa Natureza:
Dehydroxanthan Gum,*Melaleuca alternifolia leaf water (hidrolato de tea tree), Glycerin, Potassium Sorbate,Aqua, Cetearyl Olivate/Sorbitan Olivate, *Pentaclethra macroloba seed oil (óleo de Pracaxi),Glyceryl caprilate,*Carapa guaianensis oil (óleo de andiroba), Caprylic/Capric Triglyceride,Shea Butter Cetyl Esters,Cetearyl Alcohol,Calycophyllum spruceanum bark extract (extrato de mulateiro) ,Cananga Odorata flower oil (óleo essencial de ylang-ylang), Pogostemon cablin oil (óleo de Patchouli) , Citric Acid, Parfum**,Citronello, Eugenol,Limonene, Linalool.

* insumos orgânicos
** fragância proveniente de ativos vegetais

Traduzindo alguns componentes:
Caprylic/Capric Triglyceride -misto de glicerina e ácidos caprílico
Potassium Sorbate - conservante natural de grau alimentar
Pentaclethra macroloba seed oil (óleo de Pracaxi) - agente condicionante que age como silicone natural

Não causam nenhum dano ao organismo e ao meio ambiente e tem notas seguras no EWG, vide aqui.
  • Condicionador Pantene Fusão da Natureza
Water, Staryl Alcohol, Dimethicone, Beretrimonion Chloride, Cetyl, Alcool, Cassia Hydroxypropyltrimoniun Chloride, Bambsa Vulgaris extract  (bambu), Vitis vinifera seed extract (extrato de semente de uva), Persea Gratissima Oil (Abacate), Phantenol, Phantenyl Ethyl ether, Benzyl Alcohool, Fragance, Dissodium EDTA, Sodium Hidroxide, methylchloroisothiazolinone, methylisothiazolinone, Yellow 10, Red 33, Blue 1

Fonte: Good Guide - clica aqui.

Traduzindo alguns componentes:
Dimethicone - silicone
methylisothiazolinone - biocida, conservante
Phantenol - efeito condicionante

 Somente estes três, se você deixar no cabelo como leave in (e sim você encontra muitos leave ins com estes componentes) você vai acabar com seu cabelo - necessitando de um shampoo antiresíduos toda semana, além de poluir o planeta e causar danos a sua saúde.


Finalizando:
Basicamente a diferença está entre os ativos de condicionamento e conservação... Os condicionadores orgânicos e naturais basicamente levam  óleos vegetais e manteigas  e por isso são mais leves. O cabelo absorve toda a composição e praticamente não deixa resíduos.

Condicionadores convencionais contém emulsificantes sintéticos, silicones e fortes preservativos industriais, mesmo que este exemplo acima tenha ativos vegetais - contam com silicone e agente condicionante industrial, deixando resíduos. Em suma os condicionadores e leave ins convencionais são omo uma maquiagem, deixam  o cabelo bonito na hora mas depois você precisa remover.

É óbvio que cada cabelo vai responder melhor com um condicionador orgânico usado desta forma e nem todo cabelo pode aceitar a troca, tendo casos em que são necessários um leave in aquoso mesmo- mas acredite, muita gente faz isso: usa o produto orgânico como leave in sem causar danos nos cabelos!
 Para fazer esta troca, procure por condicionadores como da Ikove, Surya, Cativa Natureza - que estão entre as boas marcas do setor orgânico nacional.

PS: Antes de vir aqui ficar de mimimi e  dizer que estou doida, faça o teste e só depois venha me contar ok?!


25 de abril de 2013

Condicionador Pracaxi e Andiroba - Cativa Natureza

Recebi este produto da Cativa Natureza para testar,e gente-digo que caí de costas! Se eu já achava bom o condicionador para cabelos tingidos da Surya, este conseguiu superar todas as minhas expectativas!


 * insumo orgânico
** fragância proveniente dos ativos vegetais



Cruelty Free | Vegan | Certificação IBD

O que diz o fabricante:
A combinação do óleo de Pracaxi, agente de condicionamento natural, com o óleo de andiroba e a manteiga de cupuaçu, promovem maciez e sensação de hidratação nos cabelos.



O que eu achei:
Só tenho que concordar! Já usava óleo de Pracaxi como leave in e achei maravilhoso, contei aqui.
Com o condicionador, você sente o cabelo 'derretendo' na hora em que aplica. É ultra hidratante!

Nestes dias de teste, não usei o óleo como leave in pra ver como ele se comporta, e em todas as vezes realmente não senti falta do óleo... o cabelo ficou ótimo, macio, fácil de pentear e com um brilho bonito.

O cheiro, lembra um pouco Patchouli com um fundo floral- talvez pelo óleo de ylang-ylang, super benéfico para o cabelo, contei aqui.
Não me agradou- não gosto do cheiro dele: mas buquê aromático nunca ninguém vai sentir igual,mesmo porque nossa memória olfativa é completamente pessoal. Não permanece muito - então, não sou referência quanto ao cheiro.

A textura é um meio termo entre um leave in e um condicionador convencional.  A embalagem âmbar, ajuda a preservar  e eu amei a válvula pump- muito prática!
Também gostei dele ser mais economico no uso, utilizo 3 pumps.


luz branca sem flash
A sócia-diretora da marca disse que pode ser usado como leave in também...  (foto acima) e gente, funciona! Tiro o excesso de água e aplico um pump- mais que isso meu cabelo fica pesado.
Ganhou mais uns 1000 pontos comigo por ter essa vantagem do 2 em 1.

A impressão que tive foi que ele ajudou a controlar o volume, digo isso porque meu cabelo normalmente é bem ondulado, veja aqui. E também me pareceu que ajudou a secar mais rápido, provavelmente pelo óleo de Pracaxi ter efeito hidrofóbico.

OBS: se você acredita que não é possivel usar condicionador como leave in, leia este post:
http://www.projetobelezasaudavel.com/2013/04/usar-condicionador-como-leave-in.html

Avaliei no EWG só pra ter uma idéia, pois não reconheceu o hidrolato de tea tree, então troquei por 'oil' e também exclui a fragância, por ser de origem natural (se tivesse colocado parfum a nota não faria juz à composição).
 Como sempre, o EWG acusa o Citronello, Eugenol,Limonene, Linalool com notas altas, mesmo vindo dos óleos essenciais. Ainda assim recebeu nota 3, o que é ótimo- vide aqui.

Vale dizer que meu cabelo é grosso, pesado e volumoso, além do mais tem henna, que naturalmente ajuda a ressecar um pouco as pontas.
Em mim funcionou muito bem. Hidratou bem as pontas! Virou meu queridinho!

Meu pitaco é acrescentar algum óleo ou manteiga que seja protetor solar natural, aí ficaria extremamente perfeito pra cabelos tingidos, hehe...

A embalagem vem com 250ml e custa R$38,00- a venda no site da marca, clica aqui e também na Capym Store aqui

IMPORTANTE: Devido a presença de óleos essenciais, se você estiver grávida ou amamentando, consulte um naturopata ou aromaterapeuta antes do uso. Ylang ylang pode causar naúseas!




Você pode querer ler:
Óleos essenciais para cabelos
Óleo de Pracaxi-Laszlo
Condicionador Buriti para cabelos tingidos e danificados - Surya

27 de fevereiro de 2013

Condicionador Buriti Cabelos Tingidos e Danificados- Surya

Toda vez que vou a loja do shopping Ibirapuera fico com cara de '??????' - é sério nunca entendo os preços do sabonete líquido corpo ou mãos giraram em torno de R$140 (!!!!!), fica aqui minha indignação e o fato de não entender um preço desses.
Em compensação a linha capilar é bem digna e tem um custo plausível dentro do setor orgânico.


Aqua (Água Deionizada), Aloe Barbadensis Leaf Juice* (Suco de Folha de Babosa / Aloe Vera), Cetearyl Olivate, Sorbitan Olivate, Glyceryl Stearate, Orbignya Oleifera Seed Oil* (Óleo de Babaçu), Dehydroacetic Acid (e) Benzyl Alcohol, Mauritia Flexuosa Fruit Oil* (Óleo de Buriti), Glycerin, Dipterix Odorata Extract (Extrato de Cumaru), Citric Acid, Aniba Canelilla Essential Oil (Óleo Essencial de Preciosa).
* Ingredientes provenientes de agricultura orgânica.
98,7% do total dos ingredientes são de origem natural.
12,0% do total dos ingredientes são provenientes de agricultura orgânica

| Cosmético orgânico | Cruelty-free | Certificação Ecocert | Vegan

E é por isso que eu recomprei o condicionador da linha, porque meus cabelos tingidos com henna simplesmente se apaixonaram pelo produto! Acho que casaram com ele, porque caí na zona de conforto e não quis saber de outro rs...


O que diz o fabricante:
Indicado para cabelos tingidos e danificados, previne contra o ressecamento, proporcionando maciez e leveza aos fios. Além disso, preserva a coloração no cabelo por mais tempo, impedindo o desbotamento da cor.

O Buriti é uma planta originária do cerrado brasileiro com excelentes propriedades emolientes. Ele contém a maior quantidade de Vitamina A natural dentre todos os frutos e vegetais já descobertos. Também é rico em vitamina E, vitamina C e antioxidantes. Além disso, o buriti ainda possui propriedades naturais de proteção contra raios ultra violeta.

O que eu achei:
Pra mim tem um cheirinho adocicado levinho- que vem do cumaru (tenho o óleo aqui e vocês não tem noção da delícia que é!), nada enjoativo. Sua textura é muito leve, não lembra em nada os condicionadores convencionais mais consistentes, que você passa e fica uma camada besuntada. Lembra mais uma loção hidratante.
Gosto bastante da embalagem âmbar e com válvula pump muito mais prático!


A sensação que eu tenho quando aplico é de não ter passado nada - ok, parece doido demais mas é esse sensação, porque é muito leve mesmo! Para fazer funcionar melhor,  tenho que tirar praticamente toda o excesso de água, com uma toalha de mega absorção e secagem rápida- esta aqui,(sim, eu sou fresca e quase sempre estou com pressa, qualquer coisa que me ajude agradeço e muito!) porque se eu ficar torcendo meu metro de cabelo grosso e pesado demoro séculos, além de quebrar os fios... feito isso, como tenho cabelo comprido, preciso de quatro pumps do produto para cobrir bem toda a extensão- mas lembrando que meu cabelo é comprido, grosso e pesado.

Bem... é o primeiro caso que vejo um condicionador gastar mais do que o shampoo (que uso da mesma linha na segunda lavagem, tenha cabelos mistos e saiba o trabalho que é...), dá um pouco de trabalho, nada tão absurdo... mas o resultado compensa- mesmo assim eu amo! O cabelo fica macio e lindo de viver!
E lembrem-se que eu uso henna nos cabelos e isto ajuda a ressecar e bastante os meus fios que já são secos nas pontas, portanto mesmo sendo leve a hidratação é bem potente.

 O relatório preliminar no EWG deu nota 1 para o produto -clica aqui. O único ingrediente mais problemático, é um tarja laranja com nota 4: o Benzyl Alcohool, utilizados como solvente e conservante, no entanto preocupante somente em produtos utilizados ao redor dos lábios, vide aqui.

Pode ser encontrado no Espaço Surya, no shopping Ibirapuera (ambos em SP) ou em sites como o Beleza do Campo, clica aqui Delicatta Cosméticos, clica aqui entre outros- a embalagem vem com 300ml e custa cerca de R$38.

Update mar/15: tenho lido várias blogueiras veganas decepcionadas com o produto.
em mar/13 - data deste post,fez mais de um ano que passei da transição capilar, vide aqui, meu cabelo já não tinha resquicio de derivados de petroleo,silicone ou mesmo sendo agredido com sulfato, acompanhando alguns blogs, sei que veganas usam cosméticos convencionais, com todas as substâncias nocivas que o pessoal dos cosméticos orgânicos evita a todo custo.

E esta é a causa mais provavel do produto ter sido bom pra mim e não pra elas porque ingredientes naturais não conseguem penetrar na barreira impermeabilizante formada pelos derivados de petroleo e silicone, vide aqui.

Por isso ao ler resenhas destes dois mundos, apesar de terem em comum o cruelty free, são mundos completamente distintos,que deve ser levado em conta na decisão de compra, principalmente cabelo, a parte mais trabalhosa da transição. È preciso ver se a moça passou pela transição capilar, aboliu derivados de petróleo e silicone para todo o sempre e quanto tempo isso faz.

No começo do blog, eu não tinha o hábito de dizer que meu cabelo estava virgem e há quanto tempo sem quimica, atualmente todas as resenhas capilares tem essa info.

Este foi comprado na loja física da Surya, no shopping Ibirapuera, tem também no Espaço Surya, vide aqui ambos em SP, tem online na Capym Store aqui



Cupom válido durante todo ano de 2018- acesse!

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | free samples without surveys