Páginas

2 de outubro de 2015

Minimalismo | Apenas duas calças jeans!

Este ano praticamente não falei de minimalismo no blog, só da experiência com cipreste AQUI em janeiro, que me ajudou a desapegar das coisas com mais facilidade.
E como me programei pra atrair aquilo que preciso para curar minha vida (isso é uma afirmação do livro da L. Hay , falei AQUI)  atraí o livro da Marie Kondo que tem como premissa só manter o que você gosta.
Se eu fiz do jeito que ela ensinou, pegar por categoria e ir despachando?! Não... mas tive um olho afiadissimo e a cada manhã me perguntava o que posso despachar?!

Resultado: mais de (e não me orgulho!) 400 itens! Sim, eu anotei   um por um, e com isso, pude perceber que já tenho o que preciso para viver bem e que não me falta nada! E ainda agradeci a cada um deles por ter feito seu papel...
(bom, só me falta um somzinho porque descobri que os acordes  dos instrumentos musicais me empolgam e emocionam... e uma máquina de pão porque não levo jeito pra sovar massa e não quero mais pães cheios de químicas dispensáveis... mas só...)



Com o exercicio de agradecer, passear no shopping ficou mega monótono, não me atrai mais comprar roupa, me da angustia de pensar que posso estar motivando trabalho escravo, falta de condições decentes ou aumentar a montanha de lixo textil no mundo, que demora 400 anos pra decompor...

Álias , indico assistir o documentário no Netflix - The true cost, tem uma ótima resenha aqui. Só vou ao shopping agora pela livraria... pra me atualizar- mas muita coisa acabo comprando pelo Kindle porque livros ocupam espaço...

Chegando  finalmente ao título (perdoa a pessoa, são 9 meses de atualiazações rs...), engordei 10 kg nesses 1 ano e meio de mudança/adaptação - sim, o stress aumenta o cortisol que faz acumular gordura na barriga e também chutei o balde e descontei na comida pelo pior inverno da minha vida, aqui é mais frio, aumenta a dor que é crônica e só consegui um bom médico em julho... e também não foi fácil me adaptar numa cidade do interior, vindo da capital.

Ninguém acha que engordei de sair rolando, porque eu tinha 55kg e vestia 38 mas até o 40 estava dificil.
Eu já tinha uma calça 40 que foi laceando com o meu engordar e usei só ela por um bom tempo até que senti falta de um jeans azul , porque essa calça é um preto desbotado. Daí comprei...
E fiquei revezando só as duas...
... daí percebi que dá pra viver muito bem com duas calças jeans e uma tipo exército no inverno...

... e que não... antes não precisava de 15 calças e agora que trabalho em home-office e saio pra fazer compras, dentista ou médico... não tem mesmo necessidade. Daí despachei modelos mais escritório principalmente...

... e também despachei muita, mas muita roupa que acabei herdando de uma tia falecida, que eram super legais, bonitas... mas não tinham a ver com meu atual estilo.
Nisso também pude ver que o excesso de coisas não faz ter um bom guarda roupa, minha tia vivia reclamando de não ter o que vestir, porque muita coisa não era do estilo dela, e olha que foi 2 sacos de lixo grandes pra mim, uma mala pequena pra minha tia e outra pra prima e ainda sobrou...

E finalmente consegui tirar a comoda do meu quarto closet- trouxe para o escritório pra guardar material de aromaterapia (caixas pra correio, embalagens, os próprios óleos essenciais) , agora cabe tudo com folga, sem amontoar, depois mostro como ficou a arrumação, porque ainda quero despachar mais, quem sabe chegar num guarda roupa cápsula.

Engordar foi ruim pro corpo, a pele ficou horrível e até hoje está produzindo sebo no rosto em forma de bolotinhas,  só consegui perder 3kg por ter feito um detox de 5 dias, falei AQUI - mas foi ótimo pra me fazer enxergar que dá pra passar o inverno com 3 calças.

E não estou dizendo que é pra você ter só três calças, mesmo porque, eu trabalho em casa - suas necessidades  você quem define!


Cupom válido durante todo ano de 2018- acesse!

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | free samples without surveys