Páginas

27 de julho de 2014

Panos de prato releitura Romero Britto

Agora que finalmente a saga da cozinha está quase no fim (mostei no Instagram aqui, ainda falta um tampo de granito e as prateleiras), já dá pra guardar a parafernália dos utensílios, weeee! Vocês não tem noção do que é viver numa cozinha onde só tinha a pia e uma etante de plástico pra guardar panelas, pratos e talheres, sofrível!

Enfim, acabei decidindo que vou postar coisas de casa também pois todo mundo tem uma e dica sempre é bom.
Eu sou a louca do Romero Britto, sério, comprei o quadro The Hug (pra depois descobrir que tem um quebra cabeças, era mais divertido, enfim...), comprei um saleiro e pimenteiro, na Argentina, (que foi incrivelmente mais barato sem os impostos), daí achei esses panos de prato releitura.


E outra coisa que me atrai bastante, eu sou red addicted, sério, o que eu consigo omprar vermelho, desde que seja útil e funcional eu compro, e se for artesanal melhor ainda, afinal estou dando o dinheiro diretamente na mão de quem produz (e já te digo que não adianta você dizer que não vai comprar nada da China, pois nessa saga da mudança, a geladeira, o climatizador, artigos da Tok& Stok e Etna, duas lojas de design caras, quando você vê a etiqueta , tá lá made in china) e eu gosto bastante do trabalho da Elo 7 - umportal de artesãos.

Enfim, quando vi esses panos de prato com a possibilidade do barrado vermelho, eu delirei! Perfeito, duias coisas que amo!
Então encomedei dois, escolhi o desenho e a cor do barrado, e sentei e esperei, porque né, é uma pessoa que cortou os tecidos, costurou e engomou tudo, foi cerca de 20 dias corridos.

Quando chegou, geeeeente eu morri de tanta lindeza, cada estampa é costurada minunciosamente em patachork, com pontos caprichadissimos,nun fundo branco com estapa cinza claro e o barrado vermelhinho, que vai combinar muito bem com o restante dos acessórios vermelhos.

E não contente com isso, ainda chegou perfumado, com uma fragância muito delicada, que embora não goste por ser sintético, não irritou meu nariz. É muito capricho e por isso tow postando aqui, porque um trabalho com tanto amor e talento merece ser divulgado - eu achei uma opção de presente perfeito, acho que será minha escolha para dar de presente.

Cada um custou R$30 + frete - e antes que protestem: Romero Britto está em alta (e é aquela coisa, ou você ama ou odeia), e vai você bordar e costurar com tanto capricho e ainda ter  uns 20 tipos de tecido tricoline que é bem caro, o metro custa uns $15 se for importado chega a R$20 fácil, vale sim o preço!

Comprei com a Cris Miyke que tem outras coisas com estampa assim, clica aqui.


Cupom válido durante todo ano de 2018- acesse!

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | free samples without surveys