Páginas

13 de abril de 2013

Saiba como funciona o EWG


O EWG - Enviroment Working Group é uma ong norte americana especializada em pesquisa de produtos químicos tóxicos, entre outras coisas. Neste blog, interessa a parte do Skin Deep que é um banco de dados com mais de 41 000 produtos cosméticos e cuidados pessoais cadastrados e também  de substâncias usadas em cosméticos. O site destina-se aos consumidores que querem pesquisar os produtos, obter o nível de toxicidade do mesmo e se assim quiser, optar por um alternativo.

Ele funciona de duas maneiras - buscando o produto em si ou pesquisando sobre algo não existente lá. Tendo posse da composição, você cria seu próprio relatório : nestes dois casos obtém- se uma nota que varia de 0 a 10, observe o gráfico:


 - notinhas verdes de 0 a 2: super seguro, use sem problemas
- notinhas amarelas de 3 a 6: alguns componentes não muito saudáveis, use com moderação
- notinhas vermelhas de 7 a 10: se fosse você jogaria fora imediatamente, muito provável ter acúmulo de tóxicos e muitas vezes cancerigenos (!!!!!!)

 O sistema cria uma média aritmética, considerando ingredientes inócuos como água - nota 0, mais plantinhas que variam entre 2 e 3 e até as substâncias punk como parabenos. Se a nota final for entre 7 e 10 -vermelha, significa encrenca (ou não, dependendo do seu ponto de vista).
No Projeto Beleza Saudável tem uma lista dos principais componentes tóxicos que é melhor evitar e que dão alta pontuação no sistema - clique aqui.

Daí você me diz: "Ah mas, são produtos em circulação nos EUA".
 Ok - mas e aqueles produtinhos que importamos?! Provavelmente tem lá. E também os produtos das multinacionais que chegam aqui. Por exemplo shampoo Johnson's Baby - versão amarelinha que muita gente usa em pincéis, recebeu nota 4 no sistema - clique aqui.
 4 significa moderado e para um shampoo de bebê, deveria ter nota verde oras! Os bebês já vão acumulando toxinas (ou seja, você eu e todo mundo que nasceu na era pré cosméticos orgânicos rs...)  como o Quaternium 15= sal de amônio quaternário utilizado como conservante.
 Sobre quantidade mínima de segurança e blablablá whiskas sachê, fica pra outro post - senão vira quilométrico.

Então tá, e como faz com os produtos nacionais?! Não faz?!
Faz mulher... como disse, também tem a opção de fazer seu próprio relatório, desde que você tenha a lista de ingredientes, que deveria constar no site de qualquer marca- na grande maioria das vezes, até pra cosméticos orgânicos nacionais eu tenho que digitar lá, lendo do rótulo... (o que é um problema pra muita gente interessada em saber qual é a do produto... ou talvez ter que levar ao dermatologista pra ver se você pode usar), se tem no site, só dar um CTRL+C  e CTRL+V
Isto é: se você quiser né...

Ok, quero saber como faz...
Então tá... mas deixo pra Heglaé do Mocinha Kawaii te explicar, pois ela fez um tutorial mais que perfeito, onde aprendi a criar meus relatórios, visita ela - clique aqui.
Já aviso que  não é a cartilha do mundo dos cosméticos, é um parâmetro. As vezes um produto 98% natural que deveria receber nota verdinha, sobe a pontuação por ter fragância por exemplo - nesse mundo, isso é o pior dos componentes pois ninguém nunca sabe o que tem, dentre 5000 substâncias que podem compor, e não há legislação que obrigue a dizer como fazem o cheiro do Love Spell  da VS por exemplo.

Só pra dar um exemplo pessoal, um hidratante da Korres (falei aqui) que tem toda a política de retirar os componentes mais tóxicos recebeu nota 5,clica aqui,- imagine um que não tenha retirado  os parabenos, óleos minerais e afins (aka hidratante Garnier).

Por outro lado, um relatório de shampoo orgânico 100% natural  (<- espia) recebeu nota 1 -clica aqui.
E se querem saber, nunca meu cabelo foi tão feliz como agora que recebe carga mínima de química e consegue absorver muito melhor os ingredientes naturais...
Atualmente só compro produtos com nota 5 para menos.

Enfim, esse é o ponto de partida, meio chato e muito longo - mas pode ser uma boa pra você que quer saber o que sua pele anda absorvendo.  Pra mim, isso é questão de saúde...

Você pode querer ler:
Testando o APS Good Guide
Conhecendo o banco de dados Good Guide


Cupom válido durante todo ano de 2018- acesse!

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | free samples without surveys