BELEZA SEM CIGARRO

[Diário]Parando de fumar semana 1. Clique na imagem para ler os post do diário.

Store Cosméticos e Cia

Encontre produtos 100% naturais e orgânicos: Cosméticos, maquiagem.

31 de julho de 2014

Da montagem da casa em geral

Semana passada começaram a montar os móveis planejados. Estudamos a casa e concluimos que armários de boa qualidade,para roupas e para a cozinha, coisa que se abre todo dia e muitas vezes,precisavam ser de boa qualidade, e claro isso tem um preço, o projeto milimetricamente pensado, a madeira que não é daquelas que lascam numa batidinha boba, as dobradiças, os puxadores bem presos e de boa qualidade- são móveis para a vida toda: a ideia foi investir uma vez só sem precisar comprar por ter quebrado, mas no fim, concluimos que acabam somando no valor do imóvel.
Mostrei no Instagran uma parte dos armários.



Ninguém aqui aguentava mais gavetas que entortam, corrediças que estragam e que precisavam de gambiarras para funcionar... além disso, também gera uma energia negativa, segundo o Feng Shui - que sim, eu acredito.

Depois de ter morado numa casa com muito espaço, mudar para uma metragem de 'apertamento' de início foi motivo de pânico - 'onde colocaria tantas coisas?! Contei aqui quais seriam. Depois mais um xilique de ver a casa montada, pra ontem...
(atualmente estou sem a pia do banheiro pois colocaram o gabinete e o granito não chegou)

... claro, não foi nada confortável ficar três semanas num status de acampamento, só o escritório tinha os móveis, e antes de estar praticamente morando - mas não feito toda a mudança, houve dia que dormimos, tendo só uma sanduicheira, sem geladeira nem fogão, depois estes chegaram, daí não tinha armário, então os pratos e panelas ficavam nas caixas, ou no escorredor de pratos, alguns dentro da geladeira rs.. depois trouxe uma estante de plástico e ficamos duas semanas assim...

... as roupa ficavam na única comoda que já tinha vindo...
Mas ao mesmo tempo foi um aprendizado e tanto, e que o mínimo de uma infra estrutura é necessária, como um guarda roupa e um armário na cozinha pra guardar panelas, pratos  e utensílios. Ainda não terminou mas já tem os armários!Weeee!

No meio disso, eu que não era a pessoa mais organizada da família, me dei conta de que uma semana é o máximo que consigo lidar no meio do caos que uma obra pode trazer. Acreditem : houve momentos que não conseguia lidar com as roupas, a cozinha improvisada...

Como disse, tive um ataque de pânico, de pressa como boa ariana, de ver tudo montado, que no meu ideal eu não gostaria mesmo de estar acampada, aguentando barulho, sujeira e lidando com trocentos funcionários de várias empresas, já lidei com obra na casa da minha mãe, tomando a frente mesmo, enquanto ela trabalhava, e foi muito cansativo, como aqui,(mas lá  era diferente , estava criando um novo andar na casa e não começando do zero) - mas meio que como mágica, baixou um amadurecimento que não sabia que tinha, e de repente me dei conta de que esse ideal só se tivesse muita grana e entregasse na mão de um arquiteto.
E que o mais bacana de ter sua própria casa, é você ir ajeitando aos poucos, estudando, construindo cada cantinho, e se deliciar quando conseguisse ... e que eu perderia se entregasse na mão de um profissional.

Mais bacana ainda foi  ter baixado uma bigorna de uma tonelada, a medida que ia desmontando meu escritório na outra casa e trazendo: MEU DEUS! Não precisava de 80% do que tinha pra viver (depois conto mais sobre essa teoria), me fez refletir muito, sobre como não queria um ambiente lotado de Coisas, e assim fui escolhendo a dedo as aquisições e também me desfazendo de muita coisa inutil mesmo que quero mostrar mais tarde, pois ainda continua.

E agora com os armários de roupas, a tarefa de selecionar a dedo o que vale a pena ter o trabalho de colocar na mala vai começar, só trouxe o básico, necessário para esta fase, roupas de ficar em casa coordenando montagem e duas para sair, ver lojas... veremos o que vem comigo...

PS: acho melhor fazer mais posts, com um único assunto e menores daqui pra frente...

29 de julho de 2014

Meu produto solidificou - e agora?!

Aqui no alto do morro e no meio do mato onde moro agora, tá um frio de rachar, mas tanto frio que uma dog tá de roupa e a outra nós colocamos uma coberta na hora de dormir, porque ela não deixa por roupa rs... e fica tremendo de frio...
Além de odiar o in(f)verno pois Vata é muito sensível ao frio, tem outras coisas que também não podem com o frio. Olha só oque aconteceu com dois produtos 100% naturais aqui:


Respectivamente: detergente biowash e shampoo de neem Sal da Terra.
No caso do detergente Biowash, vem escrito no rótulo que o produto pode solidificar sem perder suas propriedades e que caso aconteça é só por no sol... mas além de estar frio está chovendo ou garoando - que sol São Pèdro?!

Como  precisava do detergente e já estava de noite, o jeito foi colocar em banho- maria, coloquei numa tigela de inox dentro de um marinex (eu ainda não tenho assadeira de revestimento ceramico, aceito de presente rs...) pronto, em 5 minutos de fogo mais forte o produto voltou ao normal.


A composição do detergente é óleo de palma e babaçu, um parente do coco, que também não gosta de frio, por isso virou uma pasta, não saia de jeito nenhum do frasco, daí tive que fazer assim. Observando aqui, quem reage bem rápido  ao frio são o óleo de coco e andiroba, os demais não reagiram... isso vale em temperatura ambiente, em geladeira vários se solidificam, como neem e argan (se você mora num lugar muito frio já sabe que é normal)

Já o shampoo de neem ele solidifica em partes, mas não por completo como podem ver, fica bifasico, dá até pra usar pois ele sai do frasco, mas o ideal mesmo é fazer o processo, já que fica bifásico, pois não sei que ativos estão em cada fase.

Enfim, nenhum dos dois perde a eficácia, continuam cumprindo, achei que o detergente perderia o óleo essencial de capim limão mas ele continuou, então tudo certo.

Se você pensou em jogar fora por ter ficado esquisito, agora já sabe o que fazer.

28 de julho de 2014

Sabonete líquido oliva e aloe - Sal da Terra

Recebi faz um tempinho atrás o Olive Castile  soap da Sal da Terra, e já vou dizendo que amei, sabe por quê?! Porque dá pra brincar bastante com ele - já explico...

Composição: óleos saponificados de oliva, palmiste, extrato botânico de aloe vera
Produto artesanal  | 100% natural | Vegan

O que eu achei:
Pelo que conheço de sabão castile,ele é pra ter só o azeite de oliva - mas foi genial a Aline ter colocado aloe vera, azeite sozinho já sairia um produto bem hidratante, junto com aloe vera é puro luxo pra pele!

A embalagem é ambar - assim ajuda a conservar o produto, diminuindo o efeito oxidante da luz por exemplo, e pump que eu amo demais pois ajuda a dosar, evitando abrir embalagem, além de ser higiênico.

O cheiro, gente - é cheiro de óleo de cozinha, ponto, não tem muito o que fazer, de início pra mim pareceu um pouco enjoativo, depois você acostuma. E tem cor de óleo - amarelinho rs...


Bom para o corpo inteiro sem excessão, e a não adição de óleos essenciais facilita muito, uma vez que podem dar alergias se a pessoa for sucetível, mesmo que seja bem dificil acontecer. Então dá pra usar no rosto, no corpo, na região intima, pra lavar o cabelo... sem ressecar e é muito seguro pra usar até em bebês e indo até a velhice.
A textura é líquida, como os demais sabonetes e shampoos da marca.

Pra mim é bem interessante, pois estou fazendo o dia sem OE - usar produtos com nada de óleos essenciais, porque a grande maioria dos meus cosméticos os tem e ainda estudo, faço sinergias pra um tudo, desde pra mim mesma, pra produto de limpeza 100% natural, pra estudar... então é muito bom dar uma pausa de vez em quando.

E o mais legal - bases neutras de sabonete líquido ou shampoo pra prática de aromaterapia, só tem na versão convencional, com o nosso odioso sulfato. O bom disso é que você pode colocar o que der na telha: óleos essenciais, extratos glicólicos, outros óleos vegetais e criar sua fórmula personalizada, pronto acabou o sofrimento, já tem base neutra 100% natural disponível! Podemos comemorar!

A embalagem com 250ml sai a $19, se você for compor com outros ativos deve render bastante - procure na sessão de sabonetes liquidos -clica aqui.



27 de julho de 2014

Panos de prato releitura Romero Britto

Agora que finalmente a saga da cozinha está quase no fim (mostei no Instagram aqui, ainda falta um tampo de granito e as prateleiras), já dá pra guardar a parafernália dos utensílios, weeee! Vocês não tem noção do que é viver numa cozinha onde só tinha a pia e uma etante de plástico pra guardar panelas, pratos e talheres, sofrível!

Enfim, acabei decidindo que vou postar coisas de casa também pois todo mundo tem uma e dica sempre é bom.
Eu sou a louca do Romero Britto, sério, comprei o quadro The Hug (pra depois descobrir que tem um quebra cabeças, era mais divertido, enfim...), comprei um saleiro e pimenteiro, na Argentina, (que foi incrivelmente mais barato sem os impostos), daí achei esses panos de prato releitura.


E outra coisa que me atrai bastante, eu sou red addicted, sério, o que eu consigo omprar vermelho, desde que seja útil e funcional eu compro, e se for artesanal melhor ainda, afinal estou dando o dinheiro diretamente na mão de quem produz (e já te digo que não adianta você dizer que não vai comprar nada da China, pois nessa saga da mudança, a geladeira, o climatizador, artigos da Tok& Stok e Etna, duas lojas de design caras, quando você vê a etiqueta , tá lá made in china) e eu gosto bastante do trabalho da Elo 7 - umportal de artesãos.

Enfim, quando vi esses panos de prato com a possibilidade do barrado vermelho, eu delirei! Perfeito, duias coisas que amo!
Então encomedei dois, escolhi o desenho e a cor do barrado, e sentei e esperei, porque né, é uma pessoa que cortou os tecidos, costurou e engomou tudo, foi cerca de 20 dias corridos.

Quando chegou, geeeeente eu morri de tanta lindeza, cada estampa é costurada minunciosamente em patachork, com pontos caprichadissimos,nun fundo branco com estapa cinza claro e o barrado vermelhinho, que vai combinar muito bem com o restante dos acessórios vermelhos.

E não contente com isso, ainda chegou perfumado, com uma fragância muito delicada, que embora não goste por ser sintético, não irritou meu nariz. É muito capricho e por isso tow postando aqui, porque um trabalho com tanto amor e talento merece ser divulgado - eu achei uma opção de presente perfeito, acho que será minha escolha para dar de presente.

Cada um custou R$30 + frete - e antes que protestem: Romero Britto está em alta (e é aquela coisa, ou você ama ou odeia), e vai você bordar e costurar com tanto capricho e ainda ter  uns 20 tipos de tecido tricoline que é bem caro, o metro custa uns $15 se for importado chega a R$20 fácil, vale sim o preço!

Comprei com a Cris Miyke que tem outras coisas com estampa assim, clica aqui.

24 de julho de 2014

Minimalismo | Das roupas de fitness


Fazem duas semanas que estou no meu 'acampamento-próprio' - estou aqui na nova casa me virando nos 30 pra viver, por enquanto só o escritório já tem os móveis (e que se não fosse isso + ter encontrado uma boa internet, vocês não me veriam tão cedo rs...) e esse exato instante finalmente estão montando os móveis sob medida -YAY! não vejo a hora de mudar do status acampamento pra finalmente aqui virar um lar!




Voltando ao assunto do post, estando aqui na casa, já deu pra sentir minha real necessidade de roupas - e vou dizer que fiquei surpresa com a pouquissima quantidade que estou usando, basicamente passei duas semanas com: uma calça de malha, três blusas por estar frio, uma roupa de  ginástica (sim, conheci meu esporte oficial da nova etapa: andar de patins! Amo!) e um pijama.
Nos pés: uma pantufa pra andar dentro de casa, um chinelo para o quintal, tênis pra caminhada - ponto!

E na verdade, não deve ser muito mais que isso, pois trabalhando em home-office, basicamente é esta minha rotina, amei!
(agora que vamos ver o quanto de roupa sairá...)

Também tive um insight muito bom na casa antiga, olhando para o guarda roupa com pose de pensador de Rodin:
licença que meu pensador de Rodin é o Cebolinha, rs rs... povavelmente pensando num plano infalivel rs rs...

Não vou parar de fazer atividade física, fato - mas que finalmente consegui definir os tênis, mantive dois de quatro, -um em tom avermelhado/cinza e um outro branco com azul que ganhei de mommys.
Definido isto, fica mais fácil decidir quais roupas irão embora, quais manterei e também a paleta de cores fitness, pode parecer pouco mas já é um senhor adianto essa definição.

Além do exercício, é de tênis que levo minhas dogs pra passear.

23 de julho de 2014

Conservação de óleos essenciais e validade

Uma das dúvidas mais frequentes que recebo é a conservação e prazo de validade de óleos essenciais.

Quando se faz curso de aromaterapia, você fica encantada e um pouco indignada, pois quem já não jogou fora o frasquinho de óleo essencial só porque a validade expirou?!
Ninguém te contou né?! Mas eu te conto:

- Aquele prazo de validade da Anvisa, existe por burocracia, por força de lei, que obriga produtos de consumo informarem prazo de validade, só que na prática óleos essenciais podem durar até 10 anos!

minha portinha de acrilico na porta da geladeira
A geladeira é a melhor amiga dos óleos essenciais,especialmente os cítricos e tea tree que são mais frágeis, volatizam muito rápido. O ideal é guardar todos na geladeira, como é inviável pra mim, manter quase 100 na geladeira, deixo os cítricos.

Pra fazer isso, guarde bem fechados e num local separado de alimentos, o que também pode ser inviável. Então, use um pote plástico com tampa que tenha boa vedação, pois é possível que sua comida fique com gosto de tea tree, Tisserand sugere que sejam guardados em saquinhos zip-loc pra garantir que não aconteça.

O outro método de conservação, é deixar num local fresco, longe de luz, calor excessivo e umidade (banheiro nem pensar!), os outros OEs eu guardo numa caixa de MDF com tampa (tem na loja da By Samia, clica aqui.) , longe também de fontes de eletricidade , como computador, há quem acredite que ocampo eletromagnético interfiras nos oleos essenciais, assim como nos homeopáticos e florais.


Ainda segundo Tisserand, que pra quem não sabe é um dos maiores nomes da aromaterapia no mundo, seguem a validade de OEs, se conservados em geladeira:
- Citricos, neroli, lemongrass, frankincence, tea tree, pinheiros e abetos (eucalipto, cipreste, etc)  
1-2 anos

- Praticamente todos os outros óleo essencial 
de 2-3 anos

-Sândalo, vetiver, patchouli (resinosos, inclui-se copaíba, sangue de dragão )
4-8 anos

Para os que estão em caixas de madeira,gavetas e quaisquer outro lugar que não a geladeira, reduza pela metade esse tempo.

Então, o melhor lugar para a conservação dos OEs é na geladeira!

O que fazer, se seu óleo expirou o prazo de validade?!

Não jogue fora! Tisserand e eu também concordo que o melhor uso para óleos expirados é na limpeza da casa!
Você pode por exemplo, usar estes OEs na receita de amaciante de roupas, pois praticamente estão lá só pra deixar um cheirinho mesmo, vide aqui.

E em todas os usos domésticos, cujo intuito é deixar cheiroso.

-----------
Se você estuda a química dos óleos essenciais e quer saber mais sobre o que Tisserand diz sobre o assunto, clica aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...